Botupharma

LactoFull® Horse 15BI

Recomposição da microbiota intestinal

EQUILÍBRIO E FORTALECIMENTO

No Doping

Apresentação:
Seringa com 40 g 

LactoFull Horse 15 bi é um suplemento alimentar composto por aditivos probióticos, prebiótico e aminoácido. Cada dose de 5 g contém 1,5 x 1010 (15 bilhões) de microorganismos probióticos, totalizando 1,2 x 1011 (120 bilhões) e 2000 mg L-glutamina na seringa de 40 g.

Indicações

LactoFull Horse 15 bi é indicado para auxiliar nas necessidades orgânicas em vitamina E e L-glutamina, nos regimes alimentares de equinos. Enriquecido com os probióticos Bacillus cereus, Bacillus subtilis, Enterococcus faecium, Lactobacillus acidophilus, Bifidobacterium bifidum e Saccharomyces cerevisae, auxilia na recomposição da microbiota intestinal, mantendo-a equilibrada.  

Modo de usar

Deve ser fornecido por via oral, diretamente na boca do animal.  

Equinos adultos: 5 g/ dia. 

Potros: 2 g/ dia. 

O fornecimento pode ser alterado de acordo com as recomendações do técnico responsável. 

Precauções

Manter fora do alcance de crianças e animais domésticos.  Conservar em local seco e arejado ao abrigo da luz solar direta. Pode ser mantido sob refrigeração (de 2º a 8ºC).  

USO EXCLUSIVO NA ALIMENTAÇÃO ANIMAL.

Apresentação

Seringa com 40 g 

Material de apresentação

Reproduzir vídeo

15 bilhões de aliados para o seu cavalo

Composição Básica do Produto

Aditivo Probiótico, Aditivo Prebiótico, L-Glutamina, Colostro, Glicose, Vitamina E, Aluminosilicato de Sódio, Óleo de Soja Refinado e Aroma de Maça Verde. 

Bacillus cereus (min.) 

4 x1011

UFC/Kg

Bacillus subtilis (min.) 

4 x1011

UFC/Kg

Enterococcus faecium (min.) 

4 x1011

UFC/Kg

Lactobacillus acidophilus (min.) 

4 x1011

UFC/Kg

Bifidobacterium bifidum (min.) 

4 x1011

UFC/Kg

Saccharomyces cerevisiae (min.) 

1 x1012

UFC/Kg

Betaglucana (min.)

30

g/Kg

Vitamina E (min.)

2500

UI/Kg

Colostro (min.)

10

g/Kg

L-Glutamina (min.)

50

g/Kg

Glicose (min.)

10

g/Kg

Referências:
BERRETA, A.; KOPPER, J. Equine Probiotics-What Are They, Where Are We and Where Do We Need To Go? Journal of Equine Veterinary Science, v. 115, p. 104037, 2022.


ROTTING, ANNA K. et al. Effects of phenylbutazone, indomethacin,prostaglandin E2, butyrate, and glutamine on restitution of oxidant-injured right dorsalcolon of horses in vitro. American Journal Of Veterinary Research, v. 65, n. 11, p. 1589–1595, 2004.


FENGER, C. K. et al. Enhanced Bovine Colostrum Supplementation Shortens the Duration of Respiratory Disease in Thoroughbred Yearlings. Journal of Equine Veterinary Science, v. 42, p. 77–81, 1 jul. 2016.

Mais informações do produto
e onde encontrar

Entre em contato com um consultor Botupharma da sua região  

Blog Dicas

Matérias exclusivas

Matérias exclusivas

Dicas e Informativos Técnicos

Como evitar o rebote ácido nos cavalos

A úlcera gástrica é uma condição muito comum em equinos, podendo afetar animais de qualquer idade.
Este distúrbio é resultado de uma corrosão péptica (ácida) sobre a mucosa gástrica do animal, que ocorre quando há um desequilíbrio entre os fatores agressivos e os fatores protetores que do microambiente estomacal.

Como evitar o rebote ácido nos cavalos

A úlcera gástrica é uma condição muito comum em equinos, podendo afetar animais de qualquer idade.
Este distúrbio é resultado de uma corrosão péptica (ácida) sobre a mucosa gástrica do animal, que ocorre quando há um desequilíbrio entre os fatores agressivos e os fatores protetores que do microambiente estomacal.

Como evitar o rebote ácido nos cavalos

A úlcera gástrica é uma condição muito comum em equinos, podendo afetar animais de qualquer idade.
Este distúrbio é resultado de uma corrosão péptica (ácida) sobre a mucosa gástrica do animal, que ocorre quando há um desequilíbrio entre os fatores agressivos e os fatores protetores que do microambiente estomacal.

Síndrome da Úlcera Gástrica Equina (EGUS)

Os equinos são frequentemente acometidos por desordens gástricas relacionadas a fatores externos, como erros de manejo nutricional e exposição a situações estressantes, bem como a condições específicas, associadas principalmente as particularidades anatômicas do estômago dos cavalos e ao acometimento por enfermidades concomitantes.

Como evitar o rebote ácido nos cavalos

A úlcera gástrica é uma condição muito comum em equinos, podendo afetar animais de qualquer idade.
Este distúrbio é resultado de uma corrosão péptica (ácida) sobre a mucosa gástrica do animal, que ocorre quando há um desequilíbrio entre os fatores agressivos e os fatores protetores que do microambiente estomacal.

Gostou dos conteúdos? Compartilhe!

WhatsApp
Facebook
Twitter
LinkedIn

#botupharma #equinos #probiotico #prebiotico 

Inscreva-se para receber novidades e concorra a um brinde especial todo mês

Gostou dos conteúdos? Compartilhe!

WhatsApp
Facebook
Twitter
LinkedIn

#botupharmapet #petlovers #cães

Inscreva-se para receber novidades e concorra a um brinde especial todo mês